O que é lead: Aprenda tudo para gerenciar seus leads

Lead é alguém que, em algum momento, demonstrou interesse pelo seu produto ou serviço, através do fornecimento de seus dados pessoais, principalmente endereço de e-mail, geralmente, em troca de algum benefício, como um material de valor, como um e-book, por exemplo.

Quer aprender o que é lead e como transformá-lo em cliente fiel?   

Neste artigo, você não só vai aprender o que é lead, mas como ele é peça fundamental para o seu negócio.

A maioria das ações de uma empresa é focada na captação de clientes, e os leads nada mais é do que potenciais clientes.

Por isso que é tão importante saber o que é lead e o que fazer para convertê-lo em cliente.

É muito importante estudar o comportamento do usuário, a fim de descobrir suas preferências, hábitos de consumo e necessidades.

Saber dessas informações vai te ajudar a conduzi-lo mais facilmente pela jornada de compra.

Para te ajudar em todo o processo, vou esclarecer tudo o que você precisa saber sobre lead.

[thrive_leads id=’11180′]

O que é lead?  

Lead é uma pessoa que, de alguma forma, demonstrou interesse pelo seu produto ou serviço, deixando seu contato, dando autorização para que você possa enviar e-mails para ele, falando mais sobre o que você tem a oferecer.

Mas, para que a sua estratégia de venda funcione de verdade, você precisa saber qualificar esse lead.

A partir do momento em que o visitante preenche um formulário com seus dados para contato, em troca de uma recompensa ou para assinar uma newsletter, ele passa a ser um lead.

Então, esse lead entra para o funil de vendas, onde toda a equipe de marketing vai trabalhar com ações para conduzir esse lead pelas etapas do funil, com a finalidade de transformar esse lead em cliente fiel.

Além de deixar as suas informações de contato em troca de algum material, o lead também pode ser gerado a partir do momento em que um visitante entra em contato com a empresa, para obter mais informações.

O lead é o cliente em potencial.

Focar em estratégias para gerar lead é vital ter uma estratégia de marketing digital bem sucedida.

Para que você compreenda melhor sobre a importância de trabalhar o lead, vou explicar o papel dele cada etapa do funil de vendas.

Etapas do funil de vendas

Topo do funil

No topo do funil é onde se concentra a maior parte dos leads.

Nessa etapa, os leads ainda são estranhos e não sabem nada sobre o seu produto ou serviço.

No topo do funil, o ideal é produzir conteúdo informativo, para educar os potenciais clientes sobre o que você vai oferecer para ele bem mais adiante.

No topo do funil vendas, o conteúdo serve de isca para capturar possíveis clientes, através de materiais ricos e relevantes para esse público.

Aqui, o mais indicado é oferecer praticamente só conteúdo e mais nada, pois o público dessa etapa ainda não está preparado para receber uma oferta.

Se fizer uma oferta antes da hora, você corre um grande risco de perder o lead para sempre.

Também é nesse momento que você precisa deixar uma CTA (Chamada para Ação), como isca, para que o lead possa deixar seus dados para contato.

É de extrema importância deixar uma Chamada para Ação, pois é a partir dela que você vai poder construir a sua lista.

Além disso, é a forma com que o lead vai autorizar você a entrar em contato com ele, oferecendo mais material e, depois, o seu produto ou serviço.

Meio do funil

A partir desse momento, o lead andará pelo funil de vendas, passando para a segunda etapa, o meio do funil.

Nessa etapa do funil, o lead já está pronto para receber um conteúdo mais aprofundado, mostrando que ele possui um problema que precisa ser resolvido.

É nessa etapa que a empresa se posiciona como autoridade e cria um relacionamento com o lead.

É no meio do funil que você cria um relacionamento com o seu futuro cliente.

Fundo do funil

No fundo do funil os leads já estão educados sobre o assunto, já sabe que possui um problema que precisa resolver e já considera a possibilidade de encontrar um produto ou serviço que o ajude.

É aí que você já pode começar a enviar conteúdo com ofertas, pois o lead já está pronto para comprar.

Você vai mostrar para ele o quanto o seu produto ou serviço é bom e que é a melhor opção para ele.

Para o fundo do funil, você pode usar vários tipos de formatos de conteúdo, como artigos, infográficos, vídeos, webinários…

É nessa etapa, em que o lead já se tornou cliente, que você precisa produzir um conteúdo para encantar esse cliente, para que ele divulgue e indique a sua marca para outras pessoas.

A partir dessa etapa o cliente se tornará o promotor da sua marca.

O que é Lead

A importância de gerar leads

Você já percebeu que oferecer um conteúdo de qualidade é essencial para atrair e converter esse lead, certo?

Através do seu conteúdo é que você vai conseguir atrair o potencial cliente para a sua página e conquistá-lo para que, mais tarde, ele se torne não somente um cliente fiel, mas um promotor da sua marca.

Gerar leads é importante para começar a criar um relacionamento com o futuro cliente, o que aumenta e muito as suas chances de vender.

Depois de gerar leads você vai conseguir criar um relacionamento de confiança com alguém que já demonstra algum interesse pelo produto ou serviço que você oferece, o que o deixa mais perto da conversão (venda de um produto ou serviço).

Gerar leads é muito importante, pois você vai estar em contato direto com uma pessoa que tem grande potencial de comprar o que você está oferecendo e que confia em qualquer indicação que você faça.

Isso é excelente para o seu negócio.

É importante ser honesto com o seu lead através do seu conteúdo. Isso faz uma grande diferença na sua estratégia.

Mas também é importante lembrar que há um momento ideal para oferecer o seu produto ou serviço para o lead, pois ele deve estar pronto para a conversão.

Se você fizer uma oferta antes da hora, poderá perder de vez a oportunidade de conquistar esse lead.

Gerar Leads

Por que gerar leads?

Para qualquer tipo de mercado, o momento de compra, geralmente, é realizado de maneira padronizada.

O usuário que está realmente interessado em comprar representa uma porcentagem mínima no funil de vendas.

A grande maioria não está buscando nada e é por isso que você deve trocar a venda direta pela geração de leads.

Pois, a partir da geração de leads é que você vai conseguir aumentar a parcela de usuários interessados em comprar de você.

Independentemente do momento de compra que o usuário esteja, é imprescindível oferecer conteúdo de valor, seja em seu blog, nas suas redes sociais, através de e-mail…

Pois, como já foi citado diversas vezes, é através do conteúdo que você vai atrair e conquistar o futuro cliente.

Quando uma marca tenta fazer venda direta, ou seja, oferece o produto logo “de cara”, a tendência é que o usuário perca o interesse e a confiança naquela marca.

Já o trabalho de geração de leads faz com que a marca conquiste a atenção e a confiança do futuro cliente.

Porque Gerar Leads

A qualidade do lead é importante?

No processo de geração de leads é importante saber identificar aqueles que são qualificados, ou seja, que tem grande potencial de serem convertidos em clientes e quais não estão muito interessados no que você tem a oferecer.

E, se você concentrar seus esforços e investimento em leads que, provavelmente, não serão convertidos em clientes, você estará desperdiçando tempo, esforço e dinheiro em algo que não trará retorno.

E você deixa de se dedicar às tarefas que têm maior possiblidade de trazer resultados positivos para o seu negócio.

Uma dica extra que eu deixo para você é jamais perder o foco na qualidade do conteúdo que você oferece só para conseguir gerar leads.

E gerar leads desqualificados também não é o caminho.

Você precisa focar as suas ações na geração de leads de qualidade para atingir os seus objetivos.

O monitoramento é uma ferramenta muito útil para identificar leads qualificados e, assim, focar na conversão deles.

Com a identificação desses leads mais qualificados você poderá dar a atenção necessária às pessoas certas, que têm grande potencial para comprar.

Qualidade do Lead

O que são leads qualificados?

Por mais que as métricas e monitoramento ajudem na identificação dos leads de qualidade, não há como garantir que esses leads se converterão em clientes realmente.

Mesmo depois de trabalhar ações para gerar lead, não há nenhuma garantia de que ele vá se tornar um cliente, pois nem todos os leads são qualificados.

Mas, afinal, o que são leads qualificados?

Como eu já disse anteriormente, um lead qualificado é aquela pessoa que demonstrou interesse no produto ou serviço que você oferece.

O lead qualificado é alguém que já identificou que possui um problema e está procurando por uma solução.

Esses leads estão mais dispostos a comprar o que você está oferecendo.

É importante saber quem são os leads qualificados, para que as ações de marketing sejam direcionadas às pessoas certas, com campanhas mais eficientes.

Essa é a fase em que você precisará oferecer um conteúdo mais aprofundado, com a finalidade de convencer os leads de que o produto ou serviço que você oferece será a melhor escolha para ele.

Construa uma lista

Construa uma lista de emails, segmentando os leads qualificados.

A lista permite que você entre em contato com o lead, oferecendo conteúdo e ofertas com a permissão dele, o que diminui drasticamente a taxa de rejeição.

Só não cometa o erro de comprar lista, pois isso não funciona, pelo contrário, comprar lista só vai fazer você desperdiçar tempo, dinheiro e esforço.

Além disso, essa atitude vai criar uma péssima imagem para a sua marca. Resumindo: Jamais compre lista!

Você deve construir um relacionamento com os seus leads de forma natural, sem forçar vendas, focando mais na nutrição, através de um conteúdo de valor.

Os leads não são todos iguais

Na etapa do meio do funil você já identifica que os leads são diferentes. Por isso é tão importante fazer a segmentação.

No meio do funil, você vai notar que alguns leads tiveram maior engajamento com o seu conteúdo, enquanto outros não.

Você pode verificar isso através do e-mail marketing e das redes sociais.

Através do monitoramento dessas plataformas, você vai saber o tempo de permanência do lead em seu conteúdo, quantos links foram clicados…

Esse monitoramento também permite que você saiba a quantidade de e-mails que foram lidos e quantos foram para a caixa de spam.

Você também deve metrificar curtidas, comentários, compartilhamentos, entre outras formas de engajamento, para fazer a segmentação dos leads qualificados.

Saber quem é um lead qualificado é importante para direcionar suas ações, pois ele estará mais inclinado a comprar o que você tem a oferecer.

Os leads qualificados já demonstraram que possui interesse pelo seu produto ou serviço, pois já estão quase convencidos de que aquilo que você oferece é a melhor solução para ele.

E, por isso, você deve concentrar os seus esforços em oferecer um conteúdo mais aprofundado e que tenha total relação com aquilo que você quer vender.

Porém, não esqueça do que eu já falei anteriormente sobre esperar o momento certo para fazer uma oferta do seu produto ou serviço, para não correr o risco de perder o lead para sempre.

Cada negócio tem sua própria definição de lead e, portanto, você precisa definir o que é um lead qualificado para o seu negócio. 

Dessa forma, você será bem mais assertivo em suas ações de marketing e terá um retorno satisfatório.

Alinhe a sua equipe

Defina quem é o seu lead ideal juntamente com todos os membros da sua equipe (caso você já tenha uma equipe formada), para que não haja divergências que tragam problemas na hora de aplicar as estratégias e converter esses leads.

Junte as ações de marketing e de vendas, por exemplo, a fim de impulsionar os resultados do seu negócio.

Isso faz com que cada um saiba o que deve ser feito.

Assim, você consegue ter mais clareza para traçar suas metas, além de identificar o momento certo de deixar de aplicar estratégias de marketing e começar a aplicar estratégias de vendas, ou seja, vai saber que o lead está pronto para receber as ofertas de venda.

Com o lead definido e documentado, toda a equipe fica alinhada ao mesmo objetivo.

O que são lead qualificados

Como qualificar o lead

Para que um simples lead se torne um lead qualificado, é importante compreender definições como o que são Lead Score e Lead Tracking.

Lead Score

Score, traduzido para o português, significa pontuação.

Por isso, lead scoring é um processo de qualificação de lead que mede a pontuação do lead, em relação ao engajamento dele com o seu conteúdo.

Mas você também pode qualificar o lead através do monitoramento que eu já citei neste artigo.

Qualificar um lead envolve realizar testes para encontrar a melhor definição de lead para o seu negócio, afinal, como eu já falei anteriormente, cada negócio possui o seu próprio lead.

Mas, a melhor estratégia para qualificar um lead é o marketing de conteúdo.

Através do marketing de conteúdo você tem a oportunidade de mostrar o produto ou serviço que você tem a oferecer e ainda vai educar o lead sobre o problema que ele possui e mostrar a solução.

O marketing de conteúdo gera engajamento do lead com a sua marca, desperta a confiança e o deixa bem mais próximo da decisão de compra.

Qualificar o lead é importante para saber qual o momento ideal de oferecer o seu produto ou serviço, para não correr o risco de perdê-lo.  

Oferecer conteúdo relevante para o lead vai te ajudar a criar um relacionamento de confiança entre ele e sua marca.

Não ofereça o seu produto ou serviço antes da hora, a cada mensagem enviada, pois isso vai fazer com que o lead ache que você só quer vender e não vai confiar em sua marca.

Lead Tracking

O lead tracking está diretamente relacionado com o engajamento do lead com o seu conteúdo e quão frequente ele está em seu negócio.

É importante saber essas informações, pois é a pontuação do conteúdo que vai determinar se o usuário é lead tracking.

Isso porque, a pontuação do lead tracking depende do quão profundo e informativo for o seu conteúdo, do quão ativo é o lead, sobre qual o tipo de conteúdo ele tem consumido mais e se esse conteúdo está relacionado à compra.

Se o lead for bastante ativo, ou seja, se ele abre todos os e-mails enviados e se ele lê todos os conteúdos publicados, por exemplo, há grande chance de ele se tornar um cliente, bastando apenas oferecer o produto.

Qualificar o Lead

Tipos de leads

Como eu já falei antes, cada negócio tem o seu lead.

Há vários tipos de lead e cada um é baseado em etapas diferentes do processo de qualificação.

Information-Qualified (IQL)

O tipo de lead classificado como IQL é o da fase inicial de qualificação, pois ele ainda não tem muitas informações sobre o seu negócio.

Nessa fase é necessário educar o lead com conteúdo rico em informações relacionadas com o produto ou serviço que você oferece, mas, claro, sem realizar nenhum tipo de oferta além do próprio conteúdo.

Marketing- Qualified Leads (MQL)

Depois de educar o seu lead com um conteúdo rico na fase inicial, os que demonstrarem algum interesse já estarão qualificados no tipo MQL.

Até aqui o lead já demonstrou interesse, mas ainda não está pronto para comprar.

O ideal, a partir desse momento, é oferecer informações mais aprofundadas, tirar todas as dúvidas do lead em relação ao seu produto ou serviço, para que ele se convença de que você está oferecendo a solução que ele procura.

Leads Qualificados em Vendas (LQV)

O lead desse tipo demonstra interesse imediato no seu produto ou serviço.

Aqui, o lead já está quase se tornando um cliente, pois já foi educado e nutrido o suficiente para se convencer de que o seu produto ou serviço é o melhor do mercado, portanto, já está pronto para comprar.

Tipos de Leads

Como fazer a nutrição de um lead

O papel da nutrição é educar o lead e fortalecer o relacionamento gerado e aumentar a confiança dele com a sua marca.

Para que o seu lead chegue até a última etapa do funil de vendas, você precisa trabalhar fluxos de nutrição.

A sequência de e-mails que você vai enviar para o seu lead deve ser baseada no problema que ele possui.

Utilize uma boa ferramenta para automatizar o processo de nutrição de lead.

O fluxo de nutrição possui 3 pontos importantes. São eles:

1- Conheça seus leads

Como você já sabe, o relacionamento com os leads é uma arma poderosa para convertê-los em clientes.

Por isso, procure conhecer bem o seu lead, o que ele precisa, o que ele quer, quais são as suas dores e desejos.

Isso faz com que você trabalhe com ações mais assertivas, aumentando as taxas de conversão.

2- Cada fluxo de nutrição é único

É importante respeitar o tempo de cada fluxo de nutrição, pois eles não são todos iguais. Crie um fluxo personalizado.

Não trabalhe com o mesmo fluxo de nutrição para negócios distintos, nem para realizar segmentação.

3- Automatize o processo de nutrição

Otimize o seu trabalho e o da sua equipe, automatizando o processo de nutrição.

Dessa forma, você ganhará tempo para realizar outras tarefas importantes.

A tecnologia está contribuindo cada vez mais para automatizar tarefas em que o ser humano pode ser substituído. Aproveite!

É importante monitorar os resultados e fazer sempre as melhorias necessárias.

Nutrição de Leads

Por que você deve gerenciar seus leads?

Depois de trabalhar duro para atrair e adquirir muitos leads para a sua estratégia, você precisa gerenciá-los, para não perdê-los para a concorrência.

É necessário criar estratégias que conduzam o lead pelo funil de vendas, aproximando-o do fundo, ou seja, que o levem à tomada de decisão de compra.

Para converter seus leads em clientes, o ideal é focar no volume e depois trabalhar a otimização desses leads.

Como gerenciar um lead

Depois de criar uma lista de leads, é necessário fazer o gerenciamento dessa lista.

Para isso, você pode utilizar o scoring para personalizar o conteúdo oferecido e direcionar as mensagens de maneira correta.

Aqueles leads com menor engajamento devem receber mais conteúdo relevante, rico em informação, para que seja nutrido.

Já os leads que estão localizados no fundo do funil, ou seja, aqueles que estão mais próximos da decisão de compra, precisam de uma atenção diferenciada.

O lead do fundo do funil geralmente entra em contato com clientes para saber mais informações sobre o seu produto ou serviço, antes de realizar a compra.

Em resumo, o processo de gerenciamento de lead é mais ou menos assim:

  • Atração e aquisição de lead;
  • Coleta de dados do usuário;
  • Nutrição de lead;
  • Vendas e encantamento;
  • Mensuração dos resultados.

Atração e aquisição de lead

Aqui, as estratégias são direcionadas para atrair e conquistar o lead, através da publicação de conteúdo de valor.

Coleta de dados do usuário

A coleta de dados do usuário é realizada junto com a atração e aquisição.

Esses dados coletados são utilizados como base do lead scoring, que você conferiu anteriormente.

A coleta de dados é realizada para acompanhar todas as fases do usuário, ou seja, a fase da descoberta e do reconhecimento do problema, da consideração e da decisão de comprar o seu produto ou adquirir o seu serviço.

Nutrição de lead

O lead tracking é alcançado quando o usuário baixa muitos conteúdos e abre muitos materiais que você publica ou envia para ele.

Isso é importante para identificar se o lead está pronto ou não para a decisão de compra.

A partir desse momento, o time de vendas vai entrar em contato com o lead, oferecendo consultoria que conduz o lead até a realização da venda.

Vendas e encantamento

Depois que o lead é qualificado para vendas, a venda é realizada e, após essa fase, começa a fase do encantamento.

É nessa fase que você precisa continuar enviando conteúdo de valor para o cliente que já efetuou compra, para mantê-lo conectado com o seu negócio.

Mensuração de resultados

O marketing digital trouxe o benefício de poder mensurar os resultados das ações de um negócio, de maneira mais exata e em tempo real.

É importante mensurar os resultados de suas ações para que você possa identificar quais são os melhores horários e canais para entrar em contato com o seu lead e, assim, ser mais assertivo.

A mensuração dos resultados vai direcionar as suas ações e facilitará o seu trabalho de gerenciamento de lead.

Um lead qualificado deve ser prioridade para a equipe de vendas, sempre que ele entra para a sua base.

Para aumentar a taxa de conversão, é necessário criar fluxos de organização através da ferramenta de automação.

O fluxo de organização é importante para, como o próprio nome já diz, organizar os leads qualificados, de maneira que fiquem igualmente distribuídos, para que o time de vendas possa entrar em contato.

Mas atenção! Você não deve demorar a entrar em contato com o lead, pois, corre um grande risco de ele procurar o seu concorrente.

É importante monitorar os resultados e verificar quais são os melhores horários para postar nas redes sociais e enviar e-mails para o seu lead.

Como gerenciar um Lead

Leads ou visitantes – Entenda a diferença

Leads e visitantes não são a mesma coisa.

Para você entender, basta olhar o número de pessoas que visitaram as suas páginas nas redes sociais e o número de pessoas que visitaram o seu site.

Todas essas pessoas são visitantes.

Esses visitantes se tornam leads a partir do momento em que você conhece um pouco mais sobre o visitante, através do engajamento e da coleta de dados importantes sobre eles, facilitando o contato e, mais tarde, realizar uma venda.

Veja os visitantes do seu site e das suas redes sociais como potenciais clientes, aproveitando ao máximo a oportunidade de captar os dados desses potenciais clientes e criando uma conexão com eles, para que eles não sumam depois da visita.

Deixe CTA’s em seus conteúdos, para que o visitante deixe seus dados em troca de algum material rico.

Deixe um formulário para que o visitante preencha.

Utilize todos esses recursos para gerar interação do visitante com a sua marca através de conteúdo de qualidade e que resolva o problema do seu visitante.

Use materiais ricos em informação útil para o seu potencial cliente para que, dessa forma, aumentem as suas taxas de conversão.

Com o conteúdo adequado para cada etapa do funil, o visitante vai estar mais próximo do fundo do funil de vendas. 

O seu conteúdo precisa impactar o visitante e, para que isso aconteça, você deve produzir um conteúdo que fale diretamente com ele sobre o problema que ele possui.

Estude o seu cliente para entender suas dores e seus desejos e, assim, conseguir produzir o melhor conteúdo para ele.

Você pode analisar os dados desse cliente ideal para encontrar informações que sejam relevantes para produzir mais conteúdo a partir deles.

Leads ou Visitantes

Como analisar o impacto dos leads gerados

Para analisar o impacto dos leads que foram gerados é necessário ter foco para definir as principais métricas.

Algumas métricas importantes para analisar o impacto dos leads gerados são:

Quantidade de leads

É importante acompanhar a quantidade de leads para poder definir e alinhar as metas do seu negócio.

Você precisa definir quantos leads precisam ser gerados em um determinado período.

Canais de aquisição

Tendo como base as métricas do mês anterior, você pode fazer melhorias em suas ações.

Você deve verificar quais ações trouxeram resultados positivos no mês anterior, sempre fazendo melhorias e repetir isso a cada mês.

Receita de marketing

O marketing é o fator que mais impulsiona o crescimento de uma empresa.

Com as ações de marketing, você terá um volume maior de visitas em seu site e em suas redes sociais.

E, quanto mais acessos você tem em seu negócio, mais leads são gerados e convertidos e, por isso, mais renda gerada.

Analisando os Leads

Estratégias para gerar leads

Sempre realize testes para saber qual é a estratégia mais adequada para ser aplicada.

E-mail marketing

O e-mail marketing é uma das estratégias de geração de leads mais poderosas que há.

Com o e-mail marketing, você poderá administrar, de maneira automática e organizada, os leads capturados.

Através do e-mail marketing você vai criar uma lista segmentada, o que permitirá que você envie conteúdo direcionado às pessoas certas, o que aumentará as suas chances de conversão.

É importante que você realize testes para identificar quais são os melhores dias e horários para enviar e-mail para a sua lista.

Blog

Eu já falei inúmeras vezes sobre a importância de ter um blog para o sucesso do seu negócio.

E, para gerar leads não seria diferente.

Ter um blog te ajuda a não só atrair tráfego, como gerar muitos leads qualificados.

Com um blog você divulga o seu produto ou serviço de maneira segura, em uma estrutura totalmente sua, pode criar botões de CTA, adicionar banners em suas páginas, links e tudo aquilo que possa te ajudar a converter visitantes em leads e, esses, em clientes.

Para aprender criar um blog, clique aqui.

Mídia paga

Enquanto você ainda não possui um bom volume de tráfego, vale a pena investir em mídia paga como estratégia para gerar leads.

Mas não dependa somente dela.

No começo é válido escolher essa estratégia, mas você não deve depender de mídia paga para gerar leads, pois você poderá gastar muito e não ter tanto retorno.

Nessa estratégia você poderá investir em Facebook e Google Ads, por exemplo, pois são as mídias mais utilizadas para gerar leads.

Comarketing

Fazer parcerias para aumentar o alcance do seu conteúdo e, assim, gerar mais leads, é uma das melhores estratégias que existem para geração de leads.

  • Faça parcerias com outras marcas que trabalham com o mesmo nicho e persona que você;
  • Defina qual a função de cada marca dentro dessa parceria;
  • Determine se você utilizará mídia paga;
  • Realize a integração das ferramentas de automação;
  • Decida quais serão os canais que o seu conteúdo será divulgado;
  • Comece o trabalho de divulgação que vai beneficiar o seu negócio e o da marca parceira.
Como gerar Leads

Conclusão

Agora que você já sabe tudo sobre lead e como ele é fundamental para o sucesso do seu negócio, é hora de colocar tudo em prática e gerar muitos clientes fiéis.

Neste artigo você aprendeu:

  • O que é lead;
  • Qual a importância do lead para o seu negócio;
  • A diferença entre lead e visitante;
  • Como fazer o gerenciamento de leads;
  • Como nutrir os leads…

Agora você já está preparado para colocar todas as estratégias em prática e fazer o seu negócio decolar.

Porém, é importante não se acomodar e estar sempre atualizado em relação ao mercado que você atua (ou deseja atuar), principalmente às inovações tecnológicas que surgem a todo momento.

A partir de agora, você deve estudar o seu lead e começar a nutri-lo com muita informação sobre assuntos relacionados com o seu produto ou serviço e levar o seu negócio para o topo.

Alex Vargas

Alex Vargas

Alex Vargas é fundador da Live Media – Marketing, empresa especializada na criação de treinamentos de marketing digital e empreendedorismo que tem revolucionado a vida de milhares de pessoas. Chegando em agosto de 2019, a marca de 107 mil alunos. Ganhou o prêmio de Empreendedor Digital do Ano e Melhor Profissional de SEO do Ano, em 2019 pelo Afiliados Brasil. Alex é reconhecidamente um dos melhores profissionais de marketing do Brasil.
Todos os posts

Do You Want To Learn How To Build 6 Figure Authority Sites?

Subscribe to join our FREE training and…

2 comentários em “O que é lead: Aprenda tudo para gerenciar seus leads”

  1. Rodrigo Nunes de Abreu Ferreira

    Muito bom Alex!

    Artigo excelente!

    Com informações úteis para nosso negócio online.
    Realmente, a geração de leads é muito importante!

    Conteúdo muito simples e compreensível!

    1. Alex Vargas

      Opa!

      Fico feliz que tenha gostado. É necessário saber gerenciar seus Leads, saber como trabalhar em cada etapa e fazer ações específicas para fazer o lead percorrer o funil de vendas e conseguir convertê-lo.

      Grande abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ready To Start Your Journey?

Now it is your turn to get started building your own Authority Website.

To help you get started, we put together a free video training that will give you all the tools and tactics you will need to get started even if you don’t have any prior experience.

Click the button below to join the training and let us show you the authority site model.

Rolar para cima
55 Compart.
Compartilhar11
Pin44
WhatsApp
Compartilhar